terça-feira, 30 de março de 2010

Dez alimentos poderosos que não podem faltar na sua dieta

A dieta que estou seguindo, encontrada na Revista Dieta Já! de fevereiro desse ano, é baseada no livro A Dieta do Abdômen para Mulheres (que, aliás, estou tentando comprar). Conheça agora os 10 alimentos poderosos que são a base da alimentação desse programa e os benefícios que eles podem trazer para sua saúde:




1. Laticínios - leite, iogurte e queijo com pouca gordura
Nutrientes: cálcio, vitaminas A e B12, riboflavina, fósforo e potássio em grandes quantidades.
Benefícios ao organismo: fortalecem os ossos.

2. Feijões e leguminosas
Nutrientes: proteínas vegetais, minerais e vitaminas.
Benefícios: previnem e controlam o diabetes, colesterol e doenças cardíacas.

3. Ovo
Nutrientes: proteínas, gorduras, vitaminas A, D, E e K.
Benefícios: se consumido em doses adequadas, ajuda a aumentar o bom colesterol. Também protege a visão e fortalece os músculos.

4. Castanhas, amêndoas e outras nozes
Nutrientes: fibras, cálcio, potássio, vitaminas lipossolúveis e gorduras mono.
Benefícios: estimulam o intestino e ajudam a elevar o bom colesterol. Aumentam a sensação de saciedade e repõem o cálcio.

5. Peru e outras carnes magras
Nutrientes: proteínas, ferro, zinco, vitaminas do complexo B fósforo e potássio.
Benefícios: fortalecem os aminoácidos, essenciais para a formação dos músculos.

6. Pães e cereais integrais
Nutrientes: fibras solúveis e insolúveis, além de gorduras poli-insaturadas. 
Benefícios: melhoram o funcionamento do intestino, diminuem a absorvição de gorduras e açúcares e protegem o coração.

7. Aveia instantânea
Nutirentes: rica em fibras e carboidratos complexos.
Benefícios: ajuda a equilibrar os níveis de glicose, triglicerídeos e o colesterol do sangue e previne o câncer.

8. Azeite de oliva extravirgem
Nutrientes: gordura monoinsaturada, vitamina E e esqualeno - um polifenol.
Benefícios: ajuda a baixar o colesterol ruim, reduzindo o risco de doenças cardíacas, diabetes, artrite reumatóide e câncer.

9. Frutas vermelhas, como morango e framboesa
Nutrientes: fibras, vitaminas e antioxidantes.
Benefícios: melhoram o funcionamento do intestino e protegem o sistema cardiovascular e a visão.

10. Espinafre e outras verduras
Nutrientes: fibras, ferro, vitaminas, minerais, ácido fólico, luteína e zeaxantina.
Benefícios: combatem a anemia, melhoram o funcionamento do intestino, favorecem a desintoxicação do organismo e protegem a visão.

__________________________________________

Quanto mais você consumir esse alimentos poderosos, mais capacidade seu corpo terá de desenvolver músculos, além de evitar o acúmulo de gordura! Não é ótimo? Vamos incluí-los em nossa alimentação já!


Beijos e até a próxima!

segunda-feira, 29 de março de 2010

Pequenas dicas, grandes resultados!

Para emagrecer de verdade, não são apenas as grandes ações que contam. Algumas pequenas mudanças também fazem a diferença e ajudam a cortar calorias e a driblar as tentações que põem em risco a sua dieta. Vamos conhecer algumas delas? Não esqueça de colocá-las em prática já!

____________________________________________



1. Está com muita vontade de comer pizza? Tudo bem, mas anote essas dicas. Além de se segurar para comer, no máximo, dois pedaços, use papel toalha para retirar o excesso de gordura aparente na fatia. Assim você consegue eliminar cerca de uma colher de chá de gordura por pedaço. Parece pouco? Então veja essa: fazendo disso um hábito, ao longo de um ano, caso você coma uma fatia por semana, terá deixado de ingerir uma xícara de gordura! Impressionante, não?




2. Já falamos em posts anteriores sobre os malefícios do refrigerante. Que tal, então trocá-lo por um suco magrinho, como o de tomate? Além de mais nutritiva, a opção natural não sobrecarrega o organismo com resíduos intoxicantes, como os aromatizantes e corantes. Lembre-se de que trocar o refrigerante normal pela sua versão light ou zero também não traz benefícios. Melhor optar sempre pelo suco natural.





3. Seja focada e se segure para vencer a vontade de comer guloseimas. Sei que às vezes pode ser difícil, mas manter o controle e não comer aquele docinho irresistível pode economizar várias calorias no final do dia. Porém, se a vontade realmente for enorme e você não conseguir resistir, controle as quantidades. Um docinho é mais que suficiente!



4. Não esqueça de incluir frutas e verduras em seu cardápio. Para não ter desculpas, não deixe de comprar e tenha sempre esses alimentos por perto. Compre hortaliças prontas para o consumo, assim, você não terá desculpa de ficar com preguiça de preparar opções saudáveis.





5. Concentre-se no que você está comendo. Não se alimente enquanto lê ou assiste televisão. Dessa forma, você evita os excessos na mesa e fica atento a sua mastigação, não engolindo os alimentos praticamente inteiros.





6. Mesmo alguns sucos naturais podem ser bastante calóricos, como o suco de laranja. Ao invés de trocar a bebida natural por um refrigerante zero, coloque mais água em seu suco para reduzir o número de calorias.





 
 
7. Acostume-se a comer em pratos menores. Quanto maior o prato, mais comida você irá colocar e, mesmo assim, terá a impressão de não estar comendo muito. Os pratos de sobremesa são ideais para se acostumar a comer sempre em pequenas porções. Dessa forma, até repetir é permitido, sem culpa!  






Gostaram das dicas? Não esqueçam de comentar! Até a próxima!!!

Encontre a dieta ideal


1. Nunca copie a dieta de suas amigas ou da sua irmã. A que é adequada para elas pode não ser para você. 

2. Procure a ajuda de um psicólogo sempre que os problemas emocionais, tais como depressão e ansiedade, atrapalharem os resultados da dieta. A terapia pode ser muito útil para conter a compulsão alimentar.

3. Se o problema for a falta de tempo para preparar os pratos certos para a dieta, que tal pedir kits prontos de comida congelada? Pode ser uma ótima pedida quando o ponteiro da balança estacionar ou até mesmo para iniciar a dieta.

4. Você não consegue deixar de comer pão? Acha impossível eliminar de vez essa delícia do seu cardápio? Procure optar pelas versões 100% integrais.

5. Passar fome é sinal de emagrecimento rápido, certo? Errado. Quem come mais vezes, emagrece mais. Quando o corpo percebe que vai passar por privação, entra no modo econômico e, em vez de lhe ajudar a gastar calorias, as acumula no organismo.

6. Leia bastante sobre o assunto. Procure revistas, livros, sites e blogs especializados em dieta. A informação é peça fundamental para seguir de forma segura o seu projeto de perda de peso.

7. Não fique obcecada apenas nos números da balança. Fique ligada também nos benefícios que a dieta traz para sua pele, disposição e digestão.

8. Não corte totalmente as gorduras. As do tipo saudável são necessárias para regular a liberação de hormônios que agem na saciedade. Portanto, não abandone completamente as castanhas, amêndoas, açaí, abacate e azeite.

9. Fuja dos produtos industrializados, que contêm aditivos químicos que dificultam o emagrecimento. Dê sempre preferência a produtos naturais.

10. Se nenhuma tentativa de emagrecimento deu certo, é hora de procurar um nutricionista. Ele te ajudará a escolher o cardápio adequado para o alcance de sua meta.

11. Busque algo duradouro. Opte por uma disciplina alimentar de fácil manutenção, que você conseguirá seguir com facilidade por toda a vida. Evite as dietas da moda para não correr o risco de recuperar mais tarde os quilos perdidos.

sexta-feira, 26 de março de 2010

Mais motivos para abolir o refrigerante



Que o refrigerante faz mal a saúde e prejudica o processo de emagrecimento, todo mundo já sabe. Até mesmo as versões light/diet/zero devem ser evitadas por quem quer de fato emagrecer, pois possuem alta quantidade de sódio e nada de nutrientes, além de contribuir para o aparecimento das terríveis celulites.

Para quem ainda precisa de mais um motivo para acabar com o hábito do refrigerante, aí vai: de acordo com um novo estudo, adultos que consomem mais de 74g de frutose por dia, quantidade existente em dois refrigerantes e meio, têm probabilidade 36% maior de desenvolver hipertensão, além de aumentar o risco de obesidade, diabetes e problemas dentários.

Um estudo recente na Escola de Medicina de Havard mostrou que as mulheres que tomam duas ou mais porções de refrigerantes diet/light ou zero possuem o dobro do risco de declínio da função renal, o que pode destruir o rins.

Se você não conseguir se livrar de vez do refrigerante, modere na quantidade. Deixe a bebida apenas para ocasiões especiais e, caso bata aquela vontade, beba apenas uma latinha de 220ml, que já existe no mercado. Mas vale lembrar que, via de regra, o suco de fruta natural ainda é a melhor pedida para acompanhar suas refeições.


Café: vilão ou mocinho?

Não sei quanto a vocês, mas eu amo café. Nada melhor do que acordar numa manhã de clima frio e tomar aquele café quentinho e se sentir aquecida. Sou filha de uma amante do café inveterada. Minha mãe chega a beber mais de sete xícaras por dia. Achando que tal hábito poderia prejudicá-la, cheguei a repreendê-la várias vezes, e a colocar a culpa de algumas de suas doenças no excesso de café. Mas eis que, ao ler uma matéria na revista Reader's Digest, descubro que mamãe está certíssima.

Acontece que os cientistas descobriram que o café, tido como vilão por muitos, pode ser uma boa proteção contra o câncer. Um estudo feito com 60 mil mulheres mostrou que as que tomam 4 ou mais xícaras de café por dia reduziram em 25% o risco de câncer endometrial, se comparadas às que tomaram apenas uma xícara ou menos.

Os homens também não ficam de fora. Uma outra pesquisa indica que os que bebem seis ou mais xícaras de café por dia diminuem em 60% o risco de desenvolver câncer de próstata, comparados aos homens que não bebem nenhuma.

Parece bom? Pois ainda tem mais. O cientista Tomas De Paulis, da norte-americana Vanderbilt University Institut for Coffee Studie, descobriu através de suas pesquisas que o café pode ajudar nos quadros de depressão. Segundo ele, crianças que tomam café ao menos uma vez ao dia têm menos chances de desenvolver a doença do que as que não tomam a bebida.

E não para por aí. O café também reduz o colesterol, auxilia no combate às doenças do coração, proporciona efeitos antidepressivos, reduz o risco de Mal de Parkinson, protege contra diabetes tipo 2, desenvolve ação antioxidante e auxilia no emagrecimento.

Então, está esperando o que para tomar seu cafezinho hoje?


Quer saber mais sobre o assunto? Clica aqui.

Para conhecer a revista Reader's Digest, clica aqui.

quarta-feira, 24 de março de 2010

Linolen: o que é, benefícios


No início desse mês, ouvi falar a respeito de um remédio natural chamado Linolen, da Nutrilatina, que promete fazer maravilhas no que diz respeito a redução de peso e de medidas, principalmente da cintura. Como não apresenta contra indicações, resolvi comprar para testá-lo. Estou tomando desde o começo do mês, embora só tenha começado a tomar certinho, certinho de 15 dias pra cá. E já sinto bons resultados. A minha cintura realmente diminuiu bastante e sinto mais facilidade no processo de perda de peso.

O ingrediente principal do Linolen é o Oleo de Cártamo, substância de origem asiática que auxilia comprovadamente na perca de peso. O uso desse medicamento acompanhado de uma dieta alimentar e a realização de exercícios ajudam a definir mais rapidamente a musculatura e a perda de peso em menos tempo. Sugere-se o uso de seis cápsulas diárias, de duas em duas, antes das principais refeições. O comprimido é relativamente grande e causa certo incômodo ao engolir. Também possui algumas calorias: as seis cápsulas sugeridas contam com 54cal.


Quer comprar? Visite o site Corpo Perfeito clicando aqui.

terça-feira, 23 de março de 2010

Os desafios do emagrecimento

Todo mundo sabe, e parece até meio clichê falar isso, que emagrecer é muito difícil. Requer bastante força de vontade e foco para se manter na linha e fugir das armadilhas com a qual nos deparamos todos os dias.

Muitas amigas e parentes vêm até mim pedindo dicas e querendo saber quais os métodos que utilizei para emagrecer. Costumo dizer que emagrecer vem de dentro para fora, ou seja, o primeiro passo é você realmente querer. Não adianta a família fazer pressão, o namorado ou marido dizer que vai lhe deixar se você não perder peso nem as amigas fazerem complô para te fazer comer menos. Algo precisa acontecer na sua vida, para que você pare, pense e chegue - sozinha - à seguinte conclusão: eu não quero mais viver assim.

Foi assim que aconteceu comigo. Certa vez, quando eu tinha meus 15 anos e pesava mais de 90kg, sentei para jantar meus costumeiros três pãezinhos franceses recheados de manteiga, quando a cadeira de balanço extra reforçada quebrou comigo e me levou ao chão. Ela simplesmente não suportou meu peso. Aquela situação humilhante, de me ver no chão toda suja de manteiga, sendo levantada por duas pessoas, aliada à lembrança de anos e anos de humilhação na escola e de apelidos horrorosos como "rolha de poço" e "baú da felicidade", me fizeram tomar a decisão de fazer uma dieta urgente, decisão essa que mudou minha vida para sempre. Digo isso porque já emagreci e engordei novamente, mas nunca mais pesei 90 quilos, nem mesmo cheguei perto disso.

O segundo passo é ter consciência de que dieta é pra vida toda. Quem já foi gordinho não pode se descuidar nunca (eu que o diga...). Basta você liberar por um fim de semana para se desmotivar e esse fim de semana se tranformar em um mês, um ano... Sem perceber, você recupera todo o peso perdido; em alguns casos, engorda ainda mais. Por isso, sou adepta da reeducação alimentar. É preciso que se reaprenda a comer, a perceber que não precisamos comer até nos sentirmos lotados de comida. Comer menos nos deixa mais dispostos porque não ficamos com aquela sensação incômoda de estômago pesado. Além do mais, é apenas uma questão de costume; o nosso organismo acaba se acostumando ao menor volume de comida e sentimos menos fome. Por isso que todos dizem que a dieta é mais difícil nas primeiras semanas. Importante é ter força para aguentar os primeiros dias. O resto, a gente vai levando, um dia de cada vez.

Outro ponto importante - e muito difícil - é aprender a pensar magro. Como eu já falei aqui no blog, muitas pessoas emagrecem, mas continuam pensando como gordos. Aí a dieta vira uma verdadeira tormenta; basta uma amiga comer um pedaço de bolo de chocolate na sua frente para você desabar em prantos. Particularmente, eu acho que chorar por causa de comida é ridículo (não que eu já não tenha feito - uma vez chorei horrores no banheiro porque estava de dieta e não podia comer bolacha recheada). Manter o autocontrole e ter em mente que manter uma alimentação saudável vai ter ajudar em vários aspectos de sua vida além da perda de peso, ajudam a superar esses momentos difíceis. Já prestaram atenção que os magros não dão tanta importância a comida quanto os gordos? Ao contrário, pouca comida já os deixa satisfeitos. Talvez seja por isso que eles são magros, não é?

A prática de exercícios físicos não podem ficar de fora dessa lista. Eu sei que fazer exercícios é um verdadeiro tormento para algumas pessoas - inclusive pra mim, confesso. É chato, cansativo e, como demora alguns meses para mostrar resultados visíveis, algumas vezes pode ser desmotivante. Eu mesma detestava fazer exercício. Ainda hoje sinto preguiça de começar. Mas é inegável o bem que faz ao nosso corpo e à nossa mente. Portanto, para ficar mais fácil, é preciso procurar uma atividade física que mais combine com você, seja caminhada, corrida, puxar ferro na academia... Para quem detesta todo tipo de exercício, sugiro a dança. Que tal colocar suas músicas favoritas para tocar e começar a remexer o esqueleto? Além de perder muitas calorias, é diversão na certa!

Por último, quero chamar a atenção para um ponto importante: é preciso separar nossas emoções da comida. Se você é do tipo que desconta suas tristezas, alegrias, mágoas, decepções e vitórias na comida, pode dar adeus a esse hábito maléfico. Comida nenhuma cura depressão, ao contrário, faz com que você se sinta pior ainda e com a autoestima mais baixa. É uma espécie de círculo vicioso; você está triste, come para tentar se animar, engorda, fica mais triste ainda, as roupas deixam de caber em você, que passa a não sair mais de casa, e isso lhe deixa mais triste... Que tal, da próxima vez em que você ficar muito triste ou muito feliz, descontar essas emoções se esbaldando numa pista de dança, ouvindo suas músicas prediletas, desabafando com a melhor amiga/namorado/marido, vendo um bom filme, ou, como eu, escrevendo? Tenho certeza de que você vai se sentir muito melhor no final!


Espero que tenham gostado do texto! Até a próxima!

terça-feira, 16 de março de 2010

Treino para definir a barriga

Acredito que o meu desejo é o de 10 em cada 10 mulheres no mundo: exibir uma barriguinha chapada, longe daquelas gordurinhas indesejáveis. Por isso, coloco à disposição de vocês o treino que estou seguindo, retirado do site da revita Corpo a Corpo.

O treino traz vários tipos de abdominais, fugindo daquele exercício tradicional. Ajuda a definir a barriga e a perder medidas também na cintura e a exterminar os temidos culotes.

Aí vai o treino. Espero que gostem!

________________________________________

Barriga chapada, já!
Riscar o abdome não é uma tarefa fácil. É preciso acabar com a gordura da região e ainda tonificar os músculos. Mas dá, sim, para desfilar por aí com um look retinho, basta levar a sério os exercícios abaixo, que esculpem cada "gominho".




RENATA RIBEIRO FOTOS: MOISÉS PAZIANOTTO
abdominal oblíquo cruzado

Deitada, pernas flexionadas e suspensas. Coloque as mãos atrás da nuca. faça movimentos alternados, elevando o tronco e, ao mesmo tempo, flexionando e estendendo as pernas. Alterne sempre a perna direita com o braço esquerdo e vice-versa.

abdominal oblíquo

Deitada, perna direita flexionada e o calcanhar esquerdo apoiado próximo à coxa direita. Deixe o braço direito flexionado com a mão apoiada atrás da nuca. A outra mão deve ficar estendida no chão, na mesma linha do ombro. Gire o tronco para o lado esquerdo, levando o cotovelo direito ao encontro do joelho esquerdo. Volte à posição inicial. Ao final da série, repita o movimento para o outro lado.

abdominal completo

Deitada, com as pernas e os braços estendidos à frente do corpo. eleve o tronco, tirando toda a coluna do chão. Volte à posição inicial.
abdominal inferior com elevação de quadril



Deitada, braços paralelos ao tronco, pernas estendidas e semiflexionadas em direção ao teto. faça uma elevação das pernas e do quadril, tirando-os do solo. Concentre sua força no abdome. Volte à posição inicial.

abdominal oblíquo unilateral

Deitada do lado direito, pernas estendidas uma em cima da outra. Apoie o cotovelo e o antebraço da mão direita no chão. A outra mão fica atrás da nuca. Leve o tronco lateralmente em direção aos joelhos, como se o cotovelo fosse encostar no joelho esquerdo. Volte à posição inicial.


Retirado da página http://corpoacorpo.uol.com.br/nutricao-saude/243/artigo127814-1.asp.

Gel que elimina barriga?

Vi essa matéria na revista Viva Mais!, que estampava na capa : "Gel milagroso que fará você perder 10 cm de abdome fácil, fácil". Sou desconfiada em relação a produtos que fazem milagres, por isso resolvi pesquisar.


O gel é composto da casca da laranja amarga, produto que contribui comprovadamente para a perda de peso, graças a pectina, presente na casca e no bagaço. Além disso, o gel possui os seguintes ativos:

(1) Extrato de Laranja Lipossomado (Remoduline®) São flavonóides extraídos das flores da laranja amarga. Possui propriedade lipolíticas, facilitando a drenagem de líquidos(pois absorve edemas) e melhorando a microcirculação.

(2) Extrato de Centela Asiática Ativa a microcirculação, estimulante metabólico e auxilia a drenagem de líquidos.

(3) Extrato de Arnica Tônico, adstringentes, ativa a circulação periférica e, previne edemas.

(4) Extrato de Hamamelis Descongestionante, hemostático, venotônico, auxilia no tratamento de microvarizes.

(5) Óleo Essencial de Alecrim Tônico adstringente e estimulante.

(6) Óleo Essencial de Laranja Revitalizante, Relaxante e Calmante.

(7) Extrato de Mellilotus Possui um efeito descongestionante, venotônico e lipotrófico.


Não tenho como afirmar com certeza se esse produto funciona ou não, pois não tive a oportunidade de testá-lo ainda. Fiz o pedido mas ele ainda não chegou. Prometo postar aqui os resultados.

Porém, é bom lembrar que, mesmo sendo um produto natural, não deve ser utilizado indiscrimadamente. Além disso, a perda de peso e de medidas varia de acordo com o metabolismo de acada um. Informe-se bastante e consulte um médico antes de utilizar qualquer medicamento.


Quer conhecer mais sobre o gel milagroso? Clica aqui.

quinta-feira, 11 de março de 2010

Geladeira amiga da dieta


Encontrei esse vídeo no site Minha Vida; achei-o muito interessante e resolvi compartilhá-lo com vocês. Aprender a utilizar a nossa geladeira como aliada faz a dieta ficar bem mais fácil e menos tentadora naqueles dias em que a gente está com um desejo enorme de mandar a dieta às favas. Espero que gostem!


<a href="http://video.msn.com/?mkt=pt-BR&from=sp&vid=83d7d10a-a808-478f-bf42-e596b6300d72" target="_new" title="Geladeira amiga da dieta">Video: Geladeira amiga da dieta</a>

Pedido de desculpas

Olá, amigas!!!

Em primeiro lugar, quero pedir desculpas por ainda não ter cumprido a promessa de postar minhas informações pessoais, tais como peso, medidas, dieta e exercícios. Acontece que ando muito atarefada e quase sem tempo para postar. Para piorar a situação, tive uma infecção intestinal e fui hospitalizada, tive que tomar soro e ainda estou me recuperando, apesar de já me senti melhor. Preciso beber muita água e comer apenas alimentos leves. Mas de segunda feira, não passa. Juro!

Beijos e até a próxima!!!

segunda-feira, 8 de março de 2010

Alimentos que não engordam e ajudam a emagrecer!

Parece impossível? Mas é verdade. Alguns alimentos não só não engordam, como ajudam a manter sua silhueta longe das temíveis gordurinhas.

Isso acontece porque alguns desses alimentos demoram mais para serem digeridos, induzindo o corpo a um gasto calórico maior. Outros, instigam o cérebro a acionar o metabolismo. Ainda existem aqueles que promovem rapidamente a saciedade, evitando crises de compulsão alimentar. Além disso, eles possuem um ponto em comum: fornecem nutrientes e ajudam a eliminar gordura. Que tal conhecê-los melhor e mantê-los sempre em seu cardápio?

1. Pimenta Vermelha

Possui uma substância chamada capsaicina, que atua no cérebro, estimulando a queima de gordura. Além disso, ela é digestiva e ativa a circulação. Restrito apenas às pessoas que têm hemorróidas, pois a capsaicina irrita a parede das veias, provocando ardor.

2. Iogurte desnatado

Como são enriquecidos com cálcio, ajudam bastante a emagrecer. o cálcio interfere na produção de calcitriol, substância que bloqueia o processo de quebra de gordura.

3. Gengibre

A ingestão diária de 2 colheres de sobremesa aceleram em 20% o metabolismo.

4. Ovo

A ingestão desse alimento logo no período da manhã ajuda a emagrecer por trazer sensação de saciedade.

5. Pera

Por sua grande quantidade de fibras e por demorar a ser digerida, é uma grande aliada no combate à obesidade.

6. Brócolis

É fonte de Vitamina C, um poderoso antioxidante, e de fibras que fazem o organismo consumir mais calorias na digestão. A maior concentração desses nutrientes encontra-se nas folhas e no talo.

7. Linhaça

Faz uma verdadeira faxina no organismo. Possui fibras e ômega 3, que estimula o bom funcionamento do sistema nervoso, além de melhorar a memória e o poder de concentração.

8. Chá verde

Uma xícara de chá verde, consumida entre 5 e 10 minutos antes das refeições principais acelera o metabolismo. Além disso, reduz a absorvição de açúcar no sangue, diminuindo a compulsão por doces.

9. Sopas

Como todas nós já sabíamos, sopa traz sensação de saciedade. Uma xícara de caldo de frango afina tanto quanto um filé magro.

10. Vinagre

Ajuda a deixar a digestão mais lenta, aumentando a queima de calorias. o vinagre de maçã tem um bônus: ajuda a diminuir o açúcar do sangue.

11. Sardinha

Possui ômega 3, que acelera o metabolismo basal. Esse nutriente também é encontrado no salmão, no bacalhau e no óleo de prímula.

12. Feijão

Consumir feijão na hora do almoço aumenta os níveis do hormônio colecistoquinina, que faz com que os alimentos permaneçam mais tempo no estômago, consumindo mais calorias para serem digeridos. O feijão preto também diminui a fome, por aumentar os níveis de açúcar no sangue. O feijão branco faz com que o organismo absorva menos carboidrato, utilizando gordura para gerar energia.

13. Laranja

É na casca de fruta que se encontra mais fibras. Por isso, chás à base de casca de laranja são mais que recomendados para quem quer emagrecer. A laranja amarga (ou laranja da terra), possui uma substância chamada sinefrina, que acelera a queima de gordura.

14. Aveia e cereal matinal

São capazes e reduzir o apetite nas refeições seguintes. Além disso, ajudam a combater a ação da insulina, diminuindo as chances de o organismo estocar gordura.


Quer ler mais sobre esse assunto? Clica aqui!


Fonte: Revista Women's Health


Sibutramina: Vilã ou Heroína?

Ultimamente, muito se tem falado a respeito da Sibutramina. Utilizado para emagrecer, esse medicamento vem sendo alvo de críticas e, apesar de sua popularidade, pode ser proibido por provocar riscos à saúde.


Mas, afinal, o que é a Sibutramina?
Inicialmente utilizada como antidepressivo, a Sibutramina passou a ser receitada para fins de emagrecimento em 1997. Ela age no sistema nervoso central, estimulando a sensação de saciedade, fazendo a pessoa sentir menos vontade de comer e menos ansiosa.

Apesar de parecer um verdadeiro milagre para quem deseja emagrecer, esse medicamento deve ser utilizado com restrições. De acordo com endocrinologistas, seu uso pode trazer riscos de aumento de pressão arterial e frequência cardíaca. Seu uso é recomendado apenas a pacientes com obesidade mórbida ou IMC igual ou superior a 30, que não conseguiram emagrecer pelos métodos tradicionais (dieta e exercícios). Ainda assim, seu uso deve ser controlado e os pacientes, acompanhados por um médico durante todo o tratamento.

Justamente pelo fato de apresentar tais riscos, a venda da Sibutramina é controlada e feita somente através de retenção de receita. Não se pode comprar o remédio (por meios legais, diga-se de passagem), a não ser que tenha sido solicitado por um médico.

Os principais efeitos colaterais causados pela Sibutramina são: dores de cabeça, tonturas, sonolência, dores nas articulações e nos músculos, náusea, boca seca, irritação no estômago, constipação (intestino preso), dores menstruais e elevação da pressão sanguínea. Além disso, pode provocar transtornos psíquicos em quem já tenha pré-disposição a eles ou agravar um quadro já existente. Pessoas com problemas mentais e com sintomas de bipolaridade, por exemplo, estão proibidas de tomar o medicamento. Constatatou-se, também, que algumas pacientes costumam relatar desestabilização do humor, depressão redução do senso crítico.

________________________________________________________________________

Utilizei a Sibutramina pela primeira vez há uns dois anos, receitada pela minha endocrinologista. Estava obesa e não conseguia perder peso, mesmo fazendo dieta. Realmente, parecia um milagre; emagrecia 4, às vezes 5 kilos por semana. De 80Kg, passei rapidamente para 59Kg - tudo em menos de um ano. Eu estava feliz e parecia que a minha luta com a balança tinha terminado.




Eu antes da Sibutramina: 80kg Depois do tratamento, 59kg

Não vou negar que a Sibutramina faz efeito. Faz, sim. Não sentia vontade nenhuma de comer e me satisfazia com pouca comida. Minha compulsão por doces diminuiu bastante. Por outro lado, minha boca estava constantemente seca e me obrigava a beber vários copos de água por dia. Fiquei mais irritada e impaciente do que já sou normalmente. Tudo me tirava do sério. Perdi a concentração e o foco. Esquecia de acontecimentos recentes, como por exemplo, do que havia comido no almoço, que aula eu tive pela manhã. Meus familiares começaram a reclamar, principalmente depois de matérias que falavam dos malefícios da Sibutramina nos jornais.

Resolvi parar de tomar o remédio por conta própria. Afinal, já estava no meu peso ideal e seria fácil manter o peso. Só que acontecimentos ruins começaram a acontecer; a morte do meu pai, meu desemprego, problemas financeiros...

Sem perceber, eu engordei tudo novamente. E em pouco tempo, da mesma forma que perdi. Foi difícil recuperar a força de vontade de vencer mais uma vez. Eu me sentia feia, depressiva e não tinha vontade de sair de casa. Minhas roupas não davam mais em mim. Até que a data do meu casamento foi marcada e eu vi que era hora de recomeçar.

Portanto, aí vai minha recomendação: fiquem longe desse medicamento. Assim, quando vocês vencerem a batalha contra o peso, vão poder dizer, em voz alta e com orgulho, que venceram por seus próprios méritos. E viva ao emagrecimento saudável!!! \o/

sexta-feira, 5 de março de 2010

Dieta de Jenifer Aniston é aprovada pelos cientistas

Encontrei essa matéria por acaso no portal Terra e ela imediatamente chamou minha atenção. Num mundo em que as celebridades são conhecidas por fazerem dietas malucas e não recomendáveis, a atriz Jennifer Aniston se destaca por realizar um dieta que, além de realmente dar certo, é recomendada pelos cientistas australianos.


O segredo é uma alimentação rica em proteínas e pobre em carboidratos. Ou seja, é permitido o consumo de carne bovina, peixe, ovo, crustáceos, mariscos e aves. Massas, em geral, devem ser evitadas.

Os cientistas atestam que a dieta é realmente eficiente para quem quer reduzir pesos e medidas, além de não trazer prejuízos à saúde.

Quer ler a matéria completa? Clica aqui!

Benefícios do Elíptico


O elíptico, ou transport, como algumas pessoas conhecem, foi criado para pessoas que não querem se submeter a exercícios de alto impacto, correndo o risco de sofrer lesões. Por ser de baixo impacto, pode ser utilizado inclusive por pessoas que já sofreram lesões no jelho e proporciona um gasto calórico de até 900 calorias em uma hora de atividade.
Como são muitas as vantagens, esses aparelhos vêm tomando os lugares das esteiras e das bicicletas nas academias, por proporcionar um movimento diferente - como se a pessoa estivesse andando e as pernas fazendo o desenho de um "ovo deitado".
Por imitar os movimentos que se faz ao esquiar, o aparelho exige intensamente do bumbum, na hora em que a perna está sendo empurrada pra trás. Usar o aparelho é muito fácil; basta regulá-lo de acordo com seu objetivo. Uma carga maior para quem quer tornear os músculos e uma carga menor, com uma maior velocidade para quem quer emagrecer. Quanto mais curta for a duração do exercício e mais alta a carga utilizada, melhor será o resultado.

Ficou interessada? Dá uma olhadinha nessa tabela pra quem quer começar a praticar o Elíptico, retirada da revista Corpo a Corpo:
Para emagrecer
2a. Feira 3a. Feira 4a. Feira 5a. Feira 6a. Feira Sábado
Duração 20 minutos 25 minutos 30 minutos 35 minutos 40 minutos 50 minutos
Carga 1, acima de 50 rpm 1, acima de 50 rpm Intercalar 1 e 2, acima de 50 rpm Intercalar 1 e 2, acima de 50 rpm 2, acima de 50 rpm Intercalar 2 e 3, acima de 50 rpm
FCM* Entre 65% e 75% Entre 65% e 75% Entre 65% e 75% Entre 65% e 75% Entre 65% e 75% Entre 65% e 75%
Queima até 200 cal 250 cal 300 cal 350 cal 400 cal 450 cal
Para tonificar
1a. e 2a. semanas 1a. e 2a. semanas 1a. e 2a. semanas 3a. e 4a. semanas 3a. e 4a. semanas 3a. e 4a. semanas
2a. feira 4a. feira 6a. feira 2a. feira 4a. feira 6a. feira
Duração 15 minutos 15 minutos 15 minutos 15 minutos 15 minutos 15 minutos
Carga 6, acima de 50 rpm 8, acima de 50 rpm 10, acima de 50 rpm 12, acima de 50 rpm 14, acima de 50 rpm 16, acima de 50 rpm
FCM* Entre 75% e 85% Entre 75% e 85% Entre 75% e 85% Entre 75% e 85% Entre 75% e 85% Entre 75% e 85%

Quer ir para o site da revista Corpo a Corpo e ver mais exercícios e dietas? Clica aqui!
QUER CONHECER MAIS O BLOG? Clica aqui!

Você sabe o que é IMC?

Ultimamente, ouvimos muito falar em cálculo do IMC. Você sabe o que significa isso?

IMC (Massa de Índice Corporal) é uma fórmula que ajuda a definir o grau de obesidade de uma pessoa.

Para calcular seu IMC é muito simples; basta dividir seu peso por sua altura ao quadrado.

Por exemplo: 79Kg / 1,602 = 24,6.

Confira a tabela e consulte seu IMC:

Resultado Situação
Abaixo de 17 Muito abaixo do peso
Entre 17 e 18,49 Abaixo do peso
Entre 18,5 e 24,99 Peso normal
Entre 25 e 29,99 Acima do peso
Entre 30 e 34,99 Obesidade I
Entre 35 e 39,99 Obesidade II (severa)
Acima de 40 Obesidade III (mórbida)

No site Minha Vida você calcula seu IMC, faz uma avaliação e descobre seu peso ideal, tudo gratuitamente.

E então? Como anda o IMC de vocês?

Bejos e até a próxima!!!

Cacau Melo e sua técnica para comer menos chocolate



Olha que interessante a técnica da atriz Cacau Melo para não comer muito chocolate: Ela revelou em uma revista especializada em dietas que adora comer o doce, mas come apenas um bombonzinho e bebe um belo copo de água logo depois para segurar a vontade. Cacau garante que a técnica funciona.

Chocólatra que sou, resolvi testar se a tática realmente fuciona. E não é que deu certo? A água aumenta a sensação de saciedade, fazendo com que se perca automaticamente a vontade de comer chocolate. Adorei a dica! Vale a pena tentar!

Para quem quer ler a matéria completa, clica aqui.

Beijos, nos vemos na próxima!

quarta-feira, 3 de março de 2010

Malhar em casa ou na academia?

Uma das maiores dúvidas que surgem ao se iniciar uma atividade física é se devemos procurar uma academia ou realizar as atividades em casa.

Vamos ver os prós e contras de cada opção:

Fazer exercícios em casa


Prós:

- Não há a necessidade de se arrumar e sair para ir à academia, o que acaba sendo muito valioso naquelas dias de maior preguiça;

- Em casa, você pode usar o que quiser. Ninguém vai ficar avaliando sua roupa;

- Algumas mulheres se sentem desconfortáveis ao se exercitar com pessoas olhando, principalmente se o exercício exige uma posição mais embaraçosa;

- Você pode chegar mais cedo em casa, sem perder tempo com o trânsito que iria ter que enfrentar se fosse à academia;

- Terminou o treino? Direto pro banho!

- Fazer os exercícios que mais lhe agradam e combinam com você.

- Você pode escolher se ouve música (e quais músicas você quer ouvir) ou se assiste TV enquanto malha, e o melhor de tudo... pode acompanhar a música na altura que quiser, sem vergonha!!!

- Você não vai precisar ficar horas esperando alguém terminar o exercício para utilizar o aparelho - ele já estará lá a sua espera;

- Você pode malhar no horário que quiser, sem precisar se moldar aos horários da academia.

- Alguns sites - como por exemplo o da revista Boa Forma - trazem ótimos exercícios que podem ser realizados em casa.

- E, é claro, a vantagem mais óbvia: você economizará o valor das mensalidades. Que em algumas academias chegam a ser bastante caras.

Contras:

- Por menor que seja, é preciso fazer um investimento. Um bom aparelho para exercícios aeróbicos (bicicleta ergométrica, elíptico, esteira...), caso você não possa caminhar na rua, além de halteres, caneleiras, uma bola ou aparelho de abdominal e colchonete são itens indispensáveis.

- Você não contará com a ajuda de um profissional para lhe auxiliar na realização correta dos exercícios.

- Por não exigir horários e por não ser preciso pagar, fazer exercícios em casa exige o dobro de força de vontade, principalmente naqueles dias em que você acorda com preguiça.

- Malhar em casa pode ser solitário se você gosta de companhia na hora de fazer exercícios.


Exercitar-se na academia

Prós:

- Você contará com a ajuda de um profissional preparado, pronto para lhe ajudar;

- É possível fazer amizades e conhecer pessoas com os mesmos interesses que o seus - quem sabe até um paquera?

- Na academia, a variedade de aparelhos é sempre maior do que em casa;

- Antes de ingressar na academia, são feitos alguns exames, que serão refeitos com o passar do tempo, de forma que é possível saber os benefícios do exercício em sua saúde;

- O fato de pagar as mensalidades é um incentivo a mais para você não largar a academia.

Contras:

- Horários rígidos. Importante lembrar que, em feriados e fins de semana, muitas academias não funcionam.

- Os aparelhos são extremamente disputados. Algumas vezes, é preciso esperar bastante para utilizá-los.

- Você terá que montar um kit de higiene para levar a academia (sabonete, shampoo, roupas limpas...)

- Perde-se ainda mais tempo no trânsito para ir e vir da academia.

- Amigas podem ser uma distração, caso você passe muito tempo conversando e acabe se desconcentrando dos exercícios.


Enfim, cabe a você escolherem qual local é mais adequado para vocês. O mais importante é nunca deixar de praticar exercícios e sempre procurar o médico para uma avaliação antes de começar a malhar, ok?

Quer saber mais sobre assunto? Clica aqui!

Olá, amigas!

Olá, queridas amigas! Decidi acabar com o meu antigo Blog "Rumo ao Altar", que se direcionava para noivas tentando emagrecer para o dia do casamento e resolvi fazer um blog mais generalizado, Vivendo e Emagrecendo. Emagrecer não é então uma batalha diária? Afinal, meu casamento é em julho e, depois dele, o Rumo ao Altar perderia o sentido, não é mesmo? Conforme prometi, vou fazer um diário de minha própria dieta mas, como hoje já é quarta, vou começar a partir da próxima semana (as postagens, tá? A dieta eu já comecei faz tempo!). Durante o restante dessa semana, postarei novidades e matérias interessantes sobre dieta e fitness. Enfim, tudo o que eu descobrir de bom, compartilharei com vocês. Espero que todas juntem-se a mim nessa empreitada!

Muitos beijos!