quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Saudável sem exageros

Cuidar da saúde é importante, disso todos nós sabemos. Mas basta decidirmos melhorar nossos hábitos alimentares para sermos bombardeados por várias informações diferentes - a dieta da moda, o alimento que faz bem, o alimento que faz mal. Parece realmente impossível cumprir toda a lista do que devemos ou não fazer e, muitas vezes, desistimos antes mesmo de tentar. Mas será que todas essas obrigações são verdadeiramente necessárias? Para nossa sorte eu descobri que... não!


1.  Fazer 6 refeições diárias - sabemos que devemos consumir uma quantidade mínima de 1.200 calorias por dia, divididas em, no mínimo, 3 refeições (café da manhã, almoço e jantar). Conseguido isso, que mal há em abrir mão de um lanche de vez em quando, se a vida está muito corrida ou se você não sente essa necessidade? Ok, investir nos lanchinhos pode sim acelerar seu metabolismo e a perca de peso, desde que você preste anteção no que está consumindo. Boas pedidas são barrinhas de cereal, fruta ou iogurte. Mas não se penalize tanto se esquecer de vez em quando

2. Passar fio dental após todas as refeições - passar fio dental uma única vez (desde que seja super bem passado) pode ser suficiente. De preferência, à noite, com bastante calma.

3. Ingerir fibras todos os dias - elas ajudam na dieta porque aumentam a sensação de saciedade, mas se consumidas em excesso podem dilatar o estômago, provocando diarreia, gases e dor abdominal. Portanto, da próxima vez que você for ao supermercado, não precisa se preocupar em encher o carrinho de produtos enriquecidos com fibras - o consumo recomendado é de apenas 25 a 35 gramas por dia.

4. Beber 2 litros de água por dia - essa é uma das que eu acho mais difíceis de cumprir. Quem sente tanta sede assim, meu Deus? É claro que devemos nos manter hidratadas, mas não precisamos controlar exatamente quantos goles d'água tomamos por dia. Basta beber quanto se está com sede. Monitorar a cor da urina também é uma boa pedida - o idela é que ela esteja amarelo-clara. Se estiver escura, é sinal de que você precisa beber mais água.

5. Quanto mais malhar, melhor - se não malhar faz mal, malhar demais também faz - é o chamado overtraining, que aumenta o risco de lesões nas articulações, nos músculos, tendões e ligamentos. Além disso, a prática exagerada de exercícios físicos baixa a resistência do organismo, nos deixando vulneráveis a qualquer doença. Trinta minutos ao dia são mais que suficientes.

6. Dormir 8 horas por dia - melhor que o número de horas é a qualidade do sono. Cada indivíduo possui uma necessidade específica, de acordo com a genética. Alguns precisam de mais de dez horas de sono, enquanto outros se satisfazem com quatro.

7. Tomar leite - você odeia beber leite, mas quer evitar a osteoporose? Saiba que as maiores causas da doença são o consumo de bebidas alcólicas e gorduras, sedentarismo e tabagismo. Para se ter ossos fortes,  fazer exercícios e tomar 15 minutos de sol diariamente são medidas mais eficientes que 2 xícaras de leite por dia.

8. Comer frutas - Três frutas diárias são suficientes, e não as cinco porções que costumamos ouvir. Já que a porção diminuiu, vale faz um esforço para cumpri-la - afinal, as frutas possuem efeito protetor para muitas doenças, inclusive as cardiovasculares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta aí!