quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Dietas para cada estilo de vida

A gente já sabe que dieta ideal mesmo é consumir bastante frutas e verduras, evitar o consumo de doces e alimentos gordurosos e diminuir a quantidade de carboidratos, além de praticar algum tipo de atividade física. Mas nem sempre é fácil assim. Cada pessoa possui necessidades diferentes e o estilo de vida deve ser levado em consideração na hora de se pensar em começar uma dieta. Em qual desses perfis você se encaixa?


1. Para quem é estudante, concurseiro ou que trabalha muito com a mente:
Pessoas com muita atividade mental tendem a ficar muitas horas trabalhando/estudando e se esquecem de comer. Ficar muito tempo em jejum pode provocar uma queda de açúcar no sangue, o que produz falha de raciocínio.

O consumo de alimentos fonte de proteínas e carboidratos é essencial, pois o carboidrato dará energia, enquanto as proteínas "ativam" a atividade cerebral. Não deixe de fora do seu cardápio: peixes, arroz integral, carnes magras, legumes, nozes, soja.


2. Para quem trabalha muito e não consegue fazer todas as refeições:
Quando se tem uma vida muito corrida e não acha tempo para fazer um almoço com arroz, feijão, salada e carne, o consumo de lanches se torna inevitável.

Mas você pode ter uma refeição saudável comendo um sanduíche, basta que ele contenha pão, um tipo de carne que pode ser um presunto magro ou um peito de peru, hortaliças (alface, tomate, cenoura ralada), queijos magros, a margarina ou maionese podem ser substituídas pelo requeijão light. 

Troque também o refrigerante por um suco de fruta natural.


3. Para quem não consegue arranjar tempo de se exercitar:
Pessoas que não praticam atividade física devem ter uma alimentação saudável e balanceada como todo mundo, consumindo diariamente alimentos de todos os grupos alimentares, como: cereais, carnes, frutas,leguminosas, hortaliças, leite e derivados.

Para evitar o ganho de peso e o aparecimento de doenças como o aumento do colesterol, coma bastante verduras, legumes e frutas, prefira as carnes magras e frango sem pele, leite e iogurtes desnatados, queijos magros, e evite o consumo de frituras e doces muito elaborados. 

E dê o seu máximo para começar a praticar no mínimo 30 minutos de exercícios diários.


4Para quem sempre se sente cansado ou estressado:

O carboidrato é a principal fonte de energia do organismo, por isso não pode ser totalmente eliminado. Alimentos como arroz, pão, torrada, macarrão, entre outros, não podem faltar no seu cardápio.

Não abuse do consumo de gorduras. A digestão deste nutriente é mais lenta, o que promove a diminuição do esvaziamento gástrico, fazendo com que o organismo mobilize mais sangue para o local. O resultado disso é o cansaço e a indisposição.
Abuse das saladas cruas e frutas que são ricas em vitaminas, minerais e antioxidantes que ajudam a manter o pique.
Evite o consumo de bebidas alcoólicas, café e refrigerantes.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta aí!