sexta-feira, 29 de abril de 2011

Fofos


Não é o casal gordinho mais fofo que existe? #prontofalei.

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Páscoa


E então? Como foi o feriadão de vocês? O meu não teve muitas novidades. Viajei para o interior onde, como vocês provavelmente já devem saber,  o índice de comida diet/light chegava a menos que zero. Ou seja, muita comida boa, mas que pesou na segunda feira. A boa notícia é que comi bastante peixe e tentei (tentei!) ficar longe das bebidas alcoólicas, mas o vinho estava quase que irresistível.
Meu marido me deu de presente um ovo de páscoa de meio quilo. Seria trágico se não fosse cômico, pois o ovo que ele trouxe era de Alpino, o chocolate que eu mais detesto (que ele não me ouça, coitado. Deve ter sido caríssimo). Se fosse de Sonho de Valsa não teria sobrado nem a embalagem, mas como era Alpino ele está lá na geladeira até agora, o que é uma marca considerável para mim. Nessa Páscoa quase não comi chocolate e só estou esperando o Herbert esquecer do bendito ovo para eu doá-lo a alguém que não se importe em consumir um milhão de calorias em quatro mordidas.
Já que estou sendo sincera, a atividade física também foi quase-nada, a não ser uma brincadeira ou outra de esconde-esconde com minha sobrinha de dois anos, o que para uma pessoa extra-sedentária como eu, já faz os pulmões quererem saltar para fora. Não tirei fotos, apesar de ter levado a máquina, pois passei em frente a um espelho e quase não acreditava que era eu, se não fosse pela roupa. Acho que há uns dez anos não estou tão gorda, faz tempo que não me peso e acho que vou começar a dieta sem me pesar mesmo, para não me assustar tanto.
Isso fora os micos básicos que toda gordinha paga em uma viagem ao interior: tomar banho de rio e de praia com roupa por cima do biquíni, levar dez bermudas e só caber em três (e ter que revezar, todo mundo notando - ui!), os comentários dos familiares perguntando se você está grávida ou louca por ter engordado tanto em tão pouco tempo... mas faz parte. Para mim, não seria feriadão, Páscoa e viagem ao interior (não necessariamente nessa ordem) se não acontecessem esses percalços. Será...?

terça-feira, 19 de abril de 2011

É hora de mudar


É, eu sei que eu quase não ando mais por aqui, e dessa vez eu nem vou tentar me justificar, porque na verdade não tem desculpa. É preguiça,  descuido e aquela minha mania desgraçada de capricorniana torta de nunca terminar o que eu começo. Pensei uma ou duas vezes em acabar com o blog, mas aí eu me lembrei do outro  que eu tinha, o Filha de Osíris, que eu cancelei e, dois minutos depois, me arrependi. Perdi muitos textos bons e agora não há como recuperá-los.
Então eu decidi ir para o outro lado da força. Renovar, criar algo diferente e não seguir mais a linha "casa de ferreiro, espeto de pau". Se eu faço um blog sobre dietas, preciso seguir uma, isso é mais do que óbvio, não é? Mas só agora eu cheguei a essa conclusão, ao me perguntar o porquê de tanta desmotivação. é difícil escrever sobre algo que você mesma não segue, quase que dizendo às pessoas: faça o que eu digo, não faça o que eu faço.
Estou pensando em coisas novas aqui para o blog, e vou colocá-las em prática logo, logo. Espero que vocês continuem gostando de mim como sempre. Beijo grande e não percam por esperar.

sábado, 2 de abril de 2011

Rapidinha

Nossa, quase um mês sem aparecer e sem postar nada! A minha vida está cada vez mais corrida. É pouco tempo pra muita coisa a se fazer - trabalho, estudo, academia, e, além disso, sou mulher e filha. Enfim, estou passando rapidinho para dizer que não desisti e que não sumi de fato. Tenho muitas coisas legais para contar e na segunda feira conto tudinho. Beijo a todas.