segunda-feira, 25 de abril de 2011

Páscoa


E então? Como foi o feriadão de vocês? O meu não teve muitas novidades. Viajei para o interior onde, como vocês provavelmente já devem saber,  o índice de comida diet/light chegava a menos que zero. Ou seja, muita comida boa, mas que pesou na segunda feira. A boa notícia é que comi bastante peixe e tentei (tentei!) ficar longe das bebidas alcoólicas, mas o vinho estava quase que irresistível.
Meu marido me deu de presente um ovo de páscoa de meio quilo. Seria trágico se não fosse cômico, pois o ovo que ele trouxe era de Alpino, o chocolate que eu mais detesto (que ele não me ouça, coitado. Deve ter sido caríssimo). Se fosse de Sonho de Valsa não teria sobrado nem a embalagem, mas como era Alpino ele está lá na geladeira até agora, o que é uma marca considerável para mim. Nessa Páscoa quase não comi chocolate e só estou esperando o Herbert esquecer do bendito ovo para eu doá-lo a alguém que não se importe em consumir um milhão de calorias em quatro mordidas.
Já que estou sendo sincera, a atividade física também foi quase-nada, a não ser uma brincadeira ou outra de esconde-esconde com minha sobrinha de dois anos, o que para uma pessoa extra-sedentária como eu, já faz os pulmões quererem saltar para fora. Não tirei fotos, apesar de ter levado a máquina, pois passei em frente a um espelho e quase não acreditava que era eu, se não fosse pela roupa. Acho que há uns dez anos não estou tão gorda, faz tempo que não me peso e acho que vou começar a dieta sem me pesar mesmo, para não me assustar tanto.
Isso fora os micos básicos que toda gordinha paga em uma viagem ao interior: tomar banho de rio e de praia com roupa por cima do biquíni, levar dez bermudas e só caber em três (e ter que revezar, todo mundo notando - ui!), os comentários dos familiares perguntando se você está grávida ou louca por ter engordado tanto em tão pouco tempo... mas faz parte. Para mim, não seria feriadão, Páscoa e viagem ao interior (não necessariamente nessa ordem) se não acontecessem esses percalços. Será...?

4 comentários:

  1. ai amiga é tão ruim os comentarios né, passo tanto por isso sabe com a familia.... perguntando se to gravida e tals nossa até evito as visitas viu kkkkkk mas entendo bem vc
    mas olha com determinação e força a gente consegue sair disso flor
    bjim e vamos nessa

    ResponderExcluir
  2. Sabe, faz tempos que leio seus posts mas nunca havia comentado antes. Mas parece que você escreve pra mim. passo por tudo isso que você passa, só não tenho esse talento que você tem pra escrever. parabéns por esse dom. Um beijo grande!

    ResponderExcluir
  3. Olá, achei seu blog por acaso e li algumas coisas, também estou na luta contra a balança (aliás sempre estive), me identifiquei com vc!!! Pq será?, sempre fui cheinha, mas confesso também q já fui bem melhor do que sou hoje. Olho minhas fotos e fico triste, segunda resolvi entrar na academia, e predento não desisti, mas sabe...tem horas q...
    Um beijão pra vc...e foi um prazer passar por aqui!!! bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi Ive, vim aqui retribuir sua visita.
    Antes eu era mais assidua na blogsfera, mas tentarei voltar aos poucos.
    Menina, minha sorte é que seu marido não deu esse ovo pra mim, pq eu amo alpino e detesto sonho de valsa...kkk
    Nem me fale no mico das gordinhas, eu já passei por isso milhares de vezes na vida e meu filho quase não tem fotos comigo, comecei a ter coragem de tirar fotos no final do ano passado.
    Mas vamos que vamos, o importante é não desistir
    Bjs

    ResponderExcluir

Comenta aí!